Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As 48 Leis do Poder

Baseado no livro de Robert Greene

As 48 Leis do Poder

Baseado no livro de Robert Greene

Lei 20: Não se Comprometa com Ninguém

15.03.20

Assinar documento - Não se Comprometa com Ninguém

Tolo é quem se apressa a tomar um partido. Não se comprometa com partidos ou causas, só consigo mesmo. Mantendo-se independente, domine os demais - se conseguir que as restantes pessoas fiquem umas contra as outras, todos os irão seguir.

Não se comprometa com ninguém, mas seja cortejado por todos

Se permitir que as pessoas sintam que o possuem em algum grau, perderá todo o poder sobre elas. Ao não demonstrar os seus afetos, elas esforçam-se ainda mais para conquistá-lo. Mantenha-se distante e ganhará o poder que vem da atenção e desejo frustrados. Faça como a Rainha Virgem: dê esperança, mas nunca satisfação.

A aura de poder que cresce com o tempo

Deve aprender os truques que melhorarão a sua imagem. Emane mistério e desejo, nunca desencorajando as esperanças de ninguém, mas nunca cedendo. Quando se retém, não gera raiva, mas um tipo de respeito. Parece instantaneamente poderoso porque se torna inacessível, em vez de sucumbir ao grupo ou ao relacionamento, como a maioria das pessoas. À medida que a sua reputação de independência cresce, mais e mais pessoas o desejam, querendo ser a pessoa que faz com que se comprometa. No momento em que se compromete, a mágica desaparece. Torna-se no comum dos mortais.

As pessoas vão tentar todos os tipos de métodos para fazer com que se comprometa:

  • Vão-lhe dar presentes; regá-lo com favores, tudo para colocá-lo sob obrigação.
  • Aceite os presentes e favores, se desejar, mas tenha cuidado para manter a sua indiferença interior.

Não pode inadvertidamente sentir-se obrigado a alguém. Incentive a atenção, estimule o interesse dos outros, mas não se comprometa a qualquer custo. O objetivo não é afastar as pessoas ou fazer parecer que é incapaz de se comprometer. Precisa de dar atenção ocasionalmente, mas nunca ir longe demais. O desejo é como um vírus: se vemos que alguém é desejado por outras pessoas, também tendemos a achar essa pessoa desejável. Como a Rainha Virgem, precisa de mexer-se, despertar interesse e atrair as pessoas com a possibilidade de tê-lo ou tê-la.

Não se comprometa com ninguém - fique acima do confronto

Não deixe que as pessoas o arrastem para as suas brigas e disputas mesquinhas. Pareça interessado e solidário, mas encontre uma maneira de permanecer neutro; deixe os outros lutarem enquanto se afasta, assiste e espera. Quando os que entram em disputa estiverem cansados, estarão maduros para a colheita. Pode fazer disto uma prática, de facto, provocando o confronto entre outras pessoas e, de seguida, oferecer a mediação, ganhando poder como intermediário.

É essencial dominar as suas emoções

Não permita a compaixão e piedade arrastá-lo para situações de compromisso. Deve parecer interessado nos problemas das outras pessoas; parecendo às vezes ficar do lado delas. Deve manter a sua energia e sanidade interior, manter as suas emoções despegadas. Nunca deixe o seu interesse nos negócios e disputas mesquinhas ir para além da superfície. Dê presentes, ouça com um olhar compreensivo e até encante de vez em quando - mas por dentro mantenha-se à distância. Ao recusar a comprometer-se mantem a autonomia e a iniciativa. Os seus movimentos permanecem uma escolha sua, e não reações defensivas.

ADVERTÊNCIAS

Se for longe demais esta lei poderá voltar-se contra si. O jogo proposto aqui é delicado e difícil. Se jogar muitos partidos uns contra os outros, verão a sua manobra e poderão unir-se contra si. Se mantiver um número crescente de pretendentes esperando mais, inspirará não o desejo, mas a desconfiança. As pessoas vão começar a perder o interesse.

Exceções à lei

Eventualmente, pode achar que vale a pena comprometer-se com um dos lados - mesmo que seja apenas por aparência, para provar que é capaz de se apegar a alguma coisa.

A chave é manter a sua independência interior - impedir que se envolva emocionalmente. Preserve a opção tácita de poder sair a qualquer momento e recuperar a sua liberdade se o lado com o qual estiver aliado começar a entrar em colapso. Os amigos que fez enquanto estava sendo cortejado irão oferecer-lhe um lugar para ir quando abandonar o b